Exposições 2012

voltar

LATAS NA CIDADE – BARREIRO | 3 a 24 de novembro | Galeria Municipal do Barreiro

As imagens presentes nesta exposição resultam da realização da iniciativa Latas Na Cidade, decorrida em
julho de 2012 na cidade do Barreiro.
Este projeto nasceu em Lisboa, com o intuito de divulgar e promover a fotografia estenopeica, vulgo
pinhole, como um meio de alcançar uma forma diferente de ver, pensar e fazer fotografia. A fotografia
estenopeica é feita sem recurso a lentes, que são substituídas por um minúsculo orifício – o estenopo, que
cria a projeção da imagem dentro da câmara.
Para alcançar este objetivo, transformámos 30 latas em câmaras fotográficas, e graças à colaboração de
várias pessoas e estruturas locais, distribuímo-las pela cidade para que qualquer pessoa as pudesse utilizar.
E foram várias as que responderam a este desafio. Se a diferença destas imagens em relação à vasta
produção fotográfica digital que nos é familiar está perfeitamente à vista, é necessário realçar que o ato de
fotografar com latas está igualmente distante da prática fotográfica à qual estamos habituados. Nestas
câmaras não é possível ver o enquadramento que vamos produzir, antes nos desafiam a criar uma imagem
mental do que talvez apareça na fotografia. Depois, o próprio ato de expor a imagem não se esgota no
premir do botão, é necessário escolher um local apropriado para fotografar, e esperar vários segundos para
que a fotografia fique exposta. Todo este processo é envolto em dúvidas e questões que devem ser
resolvidas com criatividade, e com a coragem de quem está a produzir um objeto visual “às cegas”.
Por fim todas as dúvidas são resolvidas na magia do laboratório – a imagem demora vários segundos a
aparecer – será que ficou boa? será que aparece o que imaginei? No fim de todo o processo, qualquer
pessoa que passe por esta experiência compreende que a fotografia pode ser muito mais do que a lógica da
imagem descartável com que somos confrontados – e que produzimos também – nesta era da proliferação
massiva das câmaras fotográficas.
Quanto às imagens, refletem a cidade do Barreiro não propriamente “vista” ou “olhada” mas principalmente
imaginada pelos barreirenses e demonstram uma grande variedade de posturas e formas de
ver o Barreiro – desde os marcos visuais, à arquitetura comum, às pessoas que lá habitam, esta é a cidade
que coube dentro de uma lata, que afinal era uma câmara fotográfica.
Mais do que uma obra artística, esta exposição pretende estimular questões pertinentes sobre a produção
fotográfica atual, mas de uma forma inclusiva, em que todos possam e queiram participar.

José Domingos e Magda Fernandes
Imagerie – Casa de Imagens

Os Suspeitos apresentam “Nostalgia”
Gualter Franco, Helena Castro Esteves, João Miguel Baptista, Rui Velindro | +info

Cuerpo, Vida Y Muerte
Mostra Internacional de Fotografia Lomográfica e Estenopeica 2011

A Casa da Árvore
de Ana Filipa Quintão | +info